Considerações sobre edifícios em Blumenau - Petite Maison e Jardim das Palmeiras

Diante da constante indagação de alguns visitantes do blog referentes a altura de edifícios em Blumenau, investiguei qual seria a real altura do edifício Petite Maison, hoje o edifício mais alto de Blumenau, localizado na rua Prudente de Moraes, no bairro Vila Nova.
Essa indagação dos leitores do blog surgiu da minha afirmação de que o edifício Marechal Tower Residence, em início de construção no bairro da Velha pela construtora Cetor, seria o mais alto da cidade, com 22 andares.
Como a empresa que construiu o edifício Petite Maison (Pajost) não opera mais, não temos acesso a altura oficial, mas podemos estimar sua altura analisando algumas fotos e pelo relato de 2 de seus moradores, que afirmam que ele tem 76 metros. Para tirar a dúvida, tirei a foto abaixo onde pode-se ver o edifício por completo :


Edifício Petite Maison, bairro Vila Nova
Analisando a construção, podemos dividí-lo em 3 :
- 2 andares de garagem abaixo do edifício (em média com pé-direito de 3,5 m) totalizando 7 metros de altura.
- 21 andares com hall de entrada incluído (3 metros de pé-direito incluindo a laje) totalizando 63 metros de altura.
- Casa de máquinas e Heliponto que tem a altura de aproximadamente 2 andares, totalizando 6 metros.
Então podemos concluir que a altura total das garagens até o heliponto é de 76 metros. Quem olha o edifício a partir da rua Prudente de Moraes vê apenas os 21 andares mais o heliponto, pois o edifício foi construído em um terreno em declive, desta forma os dois andares de garagens "somem" da vista e normalmente não são contados.
Se formos considerar os andares de garagem, o edifício terá 23 andares + heliponto, com total de 76 metros. Se considerarmos os andares de apartamentos + heliponto ele terá 69 metros de altura.
Considerando a altura garagens + apartamentos, excluindo a caixa de água e casa de máquinas, a torre tem aproximadamente 70 metros de altura. Mas como o edifício possui o heliponto, do qual já subi e tirei fotos, temos de considerar ele como integrante da altura.
Considerarei que o edifício Petite Maison tem a altura de 76 metros, sem informação oficial e com base em 2 moradores.
Temos ainda o edifício Jardim das Palmeiras, também da construtora Pajost, na rua João Pessoa, próximo da Vila Germânica. Um morador afirma que a torre tem 74 metros de altura até o heliporto. Outra foto pode esclarecer melhor :


Edifício Jardim das Palmeiras, bairro da Velha
Neste caso podemos apenas supor a altura pela sua estrutura, já que também não existem medidas fornecidas pela construtora. Era o segundo edifício mais alto da cidade com 74 metros.
Em breve teremos mais um edifício que romperá a barreira dos 70 metros de altura : o Marechal Tower Residence, na rua Marechal Deodoro, no bairro Velha, com 22 andares.




De acordo com informações fornecidas por email pelo engenheiro da obra, Sr. João Henrique Torresani, o edifício terá 73,95 m de altura da calçada até o topo da caixa da água. Se contar o nível do piso do semi-subsolo serão 75,35 metros de altura.
Temos então um empate técnico entre o edifício Petite Maison e o Marechal Tower Residence, ambos na casa de 75-76 metros de altura.
A grande vantagem do Marechal Tower Residence é ser um projeto recente, com belíssimo design, enquanto os outros dois edifícios acima citados são do início da década de 90, com o design característico da época.
Talvez em breve Blumenau terá um edifício ainda mais alto, se o projeto for aprovado pela Prefeitura : o Ibiza Trade & Financial Center, pela Torresani Empreendimentos Imobiliários, conforme perspectiva publicada no site da Obra Arquitetos, e já comentada pelo colunista de economia do Jornal de Santa Catarina, Francisco Fresard. Deve ser construído próximo da Vila Germânica.
Este edifício comercial lembra o design externo do edifício Alameda Office, entregue recentemente pela construtora Cetor, só que com muito mais altura e um design diferenciado. Pelo projeto terá 26 andares com heliporto, 7 elevadores e um edifício-garagem com 6 pavimentos ao seu lado.

Nenhum comentário: