segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Pálido ponto azul

Para refletir :

Uma foto da Terra tirada pela sonda Voyager 1, em 1990, a 6,4 bilhões de km de distância.




























"That's here. That's home. That's us. On it everyone you love, everyone you know, everyone you ever heard of, every human being who ever was, lived out their lives. The aggregate of our joy and suffering, thousands of confident religions, ideologies, and economic doctrines, every hunter and forager, every hero and coward, every creator and destroyer of civilization, every king and peasant, every young couple in love, every mother and father, hopeful child, inventor and explorer, every teacher of morals, every corrupt politician, every "superstar", every "supreme leader", every saint and sinner in the history of our species lived there - on a mote of dust suspended in a sunbeam."
Carl Sagan

“Está aqui. Este é o nosso lar. Isto somos nós. Nela todos que você ama, todos que conhece, todos que você já ouviu falar, todo ser humano que já existiu e viveu suas vidas. O agregado de nossas alegrias e tristezas, milhares de religiões, ideologias e doutrinas econômicas, cada caçador e foragido, cada herói ou covarde, cada criador e destruidor da civilização, cada rei e camponês, cada casal jovem apaixonado, cada mãe e pai, cada criança esperançosa, inventor e explorador, cada professor de moral, cada político corrupto, cada “astro”, cada “líder supremo”, cada santo e pecador na história de nossa espécie viveu aqui – em um grão de poeira suspenso num raio solar.”
Carl Sagan

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Novo Hospital da Unimed

Já está em andamento o processo de estudo de impacto de vizinhança do novo hospital geral da Unimed em Blumenau, que ficará na rua Almirante Barroso, 1159, na Vila Nova. 


A primeira parte do projeto já está em funcionamento, o pronto atendimento 24 horas, que foi inaugurado dia 23 de dezembro.


Sem dúvida é uma obra muito importante para Blumenau. A audiência pública da apresentação do projeto é dia 12 de dezembro, às 09 horas, no auditório da APAE. Após aprovado, deve ficar pronto em 24 meses. Veja as projeções : 





Observe o prédio menor (o pronto atendimento já concluído, que tem frente para a rua Almirante Barroso, próximo a entrada da rua Theodoro Holtrup) em comparação com o hospital. O estacionamento contará com 160 vagas.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

40,5 º em Blumenau

Ontem (19/11/2009) tivemos o dia mais quente em Blumenau, com temperatura registrada de 40,5º no centro da cidade. Temperatura como esta não foi registrada desde 11/12/1994, quando tivemos a temperatura de 42 º.


Pergunta infantil : o que faremos quando o aquecimento global chegar de fato ?

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Privatização do esgoto

Entrevista do colunista Carlos Tonet com o advogado Ivan Naatz para o Jornal Folha de Blumenau, edição do dia 19/11/2009. Muito interessante.

[edição 340]
Ivan, o Terrível

Exclusivo: Ivan Naatz acionou o Samae na Vara da Fazenda na última terça-feira (17). Está requisitando judicialmente documentos que a empresa não disponibiliza a respeito do processo de privatização do esgoto. É uma ação de exibição de documentos para produção de provas. Resolvi falar com ele sobre o assunto. Formulei os 10 mandamentos do Ivan sobre o tema. As notas a seguir são transcrições de declarações dele a uma entrevista concedida a mim. Senhoras e senhores, com vocês a palavra de Ivan, o Terrível: 



1) Falta transparência - “O Samae não informa as empresas que solicitaram os esclarecimentos que motivaram a suspensão da licitação. Não fornece a ata da audiência pública. Não divulga o relatório das pessoas consultadas pela internet”. 


2) Top down - “Os gestores modernos aboliram o conceito de top down, em que tudo é decidido de cima para baixo. Blumenau não pode ficar a mercê de administradores que pensam o contrário”. 


3) Privatização - “Sou a favor do estado mínimo. Em minha campanha defendi as creches sociais privadas. Sou a favor da concessão dos serviços públicos em condições que beneficiem a sociedade. No caso do esgoto de Blumenau a cidade está perdendo”. 


4) Perda de receita - “O valor do contrato é de R$ 320 milhões. O esgoto poderá custar até 80% do valor da água. O Samae faturou R$ 48 milhões em 2008 somente com a água. Isso significa que poderia ter faturado mais R$ 38 milhões com o esgoto”. 


5) Lucratividade - “O contrato dura 35 anos. Faturando R$ 38 milhões por ano, a empresa privada irá faturar os R$ 320 milhões em apenas 8,4 anos. Terá 26 anos de lucro. Uma receita que poderia ser da administração municipal. Nosso Samae é simplesmente a quinta maior empresa municipal do País no setor. Estão desprezando todo esse potencial”. 


6) Placas amarelas - “A licitação não prevê esgoto para as ruas de placa amarela. Mas elas têm água e luz, que são bens essenciais à vida. Por isso são instaladas nas casas. Esgoto é saúde. É um bem essencial à vida. É um direito constitucional.Mais de 70 mil pessoas ficarão sem tratamento de esgoto em cerca de 520 ruas”. 


7) Idoneidade - “Luiz Ayr tem um histórico processual conhecido. Duvido que conseguisse exercer um cargo de presidente numa empresa privada. Ele não reúne condições para desempenhar um papel de tamanha importância técnica e estratégica”. 


8) Sucateamento - “A falta de água constante em diversos bairros não é resultado da incompetência. É resultado de uma ação deliberada para forçar a privatização do próprio Samae. Um golpe surdo contra a cidade”. 


9) Conhecimento de causa - “Dediquei mais de seis meses a pesquisas sobre saneamento. Estou concluindo mestrado em Desenvolvimento Regional. Minha dissertação tem o título de ‘A Importância do controle social sobre os atos do agente público para o desenvolvimento da região’. Eu sei do que estou falando”. 


10) A solução - “Criar a Cia. Blumenauense de Saneamento, com aporte de recursos públicos e privados. Uma empresa de capital misto. As pessoas poderiam comprar ações. Muitas pessoas teriam lucro com a coleta de esgoto”. 


Essas são as posições do Ivan Naatz. Pode-se compreendê-las ou não, apoiá-las ou ir contra elas. Naatz diz que está iniciando uma guerra jurídica. Para a sociedade, tal embate é bom para que possamos ter acesso ao maior número de informações possíveis. Meu caro Naatz, peço desculpas por chamá-lo de Ivan, o Terrível. Sim, eu sei. A piada é velha. Mas não resisti. Combina direitinho com você. Obrigado pela entrevista.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Pérolas do Apagão

Brasileiro é um artista na arte do sarcasmo com seus próprios problemas. O apagão de ontem já gerou milhares de "pérolas" que foram publicadas no twitter. Veja algumas :


"O que o povo da Uniban não faz para impedir o pessoal de ver as pernas da Geyse..."
"Foi só o FHC aparecer, que #apagao de novo"
"Xingar a Itaipu é fácil. Quero ver fazer rimas com a furnas."
"O Vasco é patrocinado pela Eletrobrás. Fiquei com medo..."
"O Brasil passa por um momento Odvan"
"Bomba ! Corinthians contrata Riquelme com o dinheiro arrecadado no #apagao"
"Bad bad Itaipu ! No donuts for you"
"Celesc garante que apagão não vai Evaloir para Blumenau"
"Compram energia elétrica do Paraguai. Queriam o quê ?"

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Memória curta

É sabido que brasileiro tem memória curta. Então para relembrar o processo em que o Pizzolatti está envolvido. Só podemos dar nossa resposta nas urnas.

CASO DO MENSALÃO

Pizzolatti depõe na quinta-feira

A Justiça Federal marcou novos depoimentos de deputados federais que foram arrolados como testemunhas de defesa dos réus do mensalão. O deputado catarinense João Pizzolatti (PP) e o paulista Celso Russomano (PP) foram foi intimados a comparecer na quinta-feira.

A denúncia sobre o mensalão chegou no Supremo em abril de 2006 pelas mãos do ex-procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza contra 40 suspeitos de participarem de um suposto esquema de compra de votos de parlamentares. Em agosto de 2007, os ministros do STF acataram a denúncia e transformaram os suspeitos em réus.

Link : http://www.clicrbs.com.br/jsc/sc/impressa/4,181,2711428,13486

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Cielo Residencial - Frechal

A Frechal lança mais um edifício no sistema construtivo TEC3, que utiliza apenas blocos de concreto para erguer a obra.

Este lançamento fica numa transversal da Rua Estanislau Schaette, próximo a sinaleira com a Rua General Osório.

O prédio terá apartamentos de 2 e 3 dormitórios, e é praticamente igual aos demais lançamentos da Frechal.

O que não consigo entender é como conseguiram liberação para erguer uma torre de 15 andares na área onde é permitido 12 pavimentos. Vai saber.

Essa obra consolida a parte alta do bairro Água Verde como destino de novos empreendimentos. Naquela região a Torresani já ergue o Residencial Riviera e a CR7 já tem erguido o Chateau La Bastide. É uma tendência. Veremos edifícios espalhados pelos bairros mais altos, livres de enchente.



Este sistema construtivo não utiliza colunas e é ecologicamente mais correto do que a construção convencional, porém tem limite de 15 pavimentos.

O problema é o design das torres, verdadeiros "blocões" quadrados, variando apenas a cor da pintura. A Frechal agora só constrói por este sistema.

Será que não tem como ousar um pouco mais no design dos edifícios ?

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Portal de Treze Tílias



Lindo o portal de entrada da cidade de Treze Tílias !

E Blumenau, onde tem um portal de entrada decente para nossa cidade, que se diz turística ?

Nem um mísero portal de entrada nossa Prefeitura ou nossa Secretaria de Desenvolvimento (?) Regional conseguiu até hoje... é bem possível que os turistas ainda caiam no buraco camuflado por plantas no trevo do Sesi.

E depois querem atrair turistas pra cá.... pois sim....

Moradias

Após 1 ano da tragédia de 2008, a Prefeitura de Blumenau e a Caixa Econômica Federal assinaram dia 30/10 a ordem de serviço para a construção de 1.028 moradias definitivas, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida. As unidades, destinadas aos atingidos pela tragédia de novembro passado, devem suprir a demanda das famílias que estão em complexos de moradias provisórias (cerca de 300 famílias) e ainda beneficiar os desalojados que estão na casa de amigos e parentes.

As moradias, serão destinadas a famílias com renda entre 0 e 3 salários mínimos atingidas pela tragédia de novembro passado e que realizaram o Cadastro Único do Cidadão Atingido. O número inicial era de 1.156 unidades, mas fechou em pouco menos, 1.028.

As outras moradias, que totalizarão as duas mil unidades previstas para construção, serão assinadas já nos próximos convênios. As empresas responsáveis pela construção (Sulbrasil, Piastra e Bairro Novo) já foram selecionadas e com a ordem de serviço estarão habilitadas para iniciar as obras.

As construções serão realizadas em cinco dos 10 terrenos adquiridos pela Prefeitura no mês de abril deste ano. Os recursos para compra dos terrenos são oriundos das doações vindas de todo país ao Fundo Estadual de Defesa Civil e foram repassados à cidade por meio do Governo do Estado.

Os terrenos selecionados para as primeiras moradias são na rua Botuverá, bairro Itoupavazinha, rua Hermann Tribess, no Tribess, rua Rudolfo Walter, na Itoupava Central e dois terrenos na rua Mathias Bornhofen, no Passo Manso.

As famílias beneficiadas poderão financiar o imóvel em até 10 anos, com prestações que não ultrapassem 10% de sua renda. Além disso, não é necessário o pagamento de parcelas antecipadas (entrada), nem pagamentos enquanto acontecem as obras.



Perspectiva das primeiras moradias

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Projeto na Rua das Palmeiras

O Grupo LN da cidade de Curitiba pretende erguer no local do antigo estádio do BEC um audacioso projeto, com um edifício comercial, um edifício residencial e um centro comercial, conforme podemos visualizar na primeira imagem de perspectiva do projeto :



Esse projeto já tem a aprovação do Patrimônio Histórico de Blumenau, e contempla também o prolongamento da rua Amazonas até a Alwin Schrader, que será executado pela LN como obra compensatória para os impactos na região.

Seria maravilhoso para a cidade se não fosse um detalhe para atravancar todo o processo de tirar aquela área hoje decrépita e decadente para uma área moderna e desenvolvida : uma ladainha judicial !

A LN arrematou a área do estádio do BEC legalmente. Quando ela finalmente apresenta um projeto decente para a região, vem a Secretaria de Desenvolvimento Regional (que de desenvolvimento para mim não tem nada) e "lembra" que parte do estádio foi doado pelo governo estadual para erguer o estádio. Agora tentam judicialmente retomar a área. Pergunto : só agora ?? Por que não impediram o leilão ? Porque agora tem um projeto bom para a região e vai ter dinheiro na jogada ??

E o pior : a SDR vem com a conversa fiada de devolver a área para a população da cidade e fazer um parque. BALELA pura !!!!!

Digo uma coisa : se afugentarem a LN de Blumenau, aquela área estará condenada para sempre !! Nem a SDR nem a Prefeitura vão reformar e fazer parque algum naquele lugar. O lugar vai continuar decrépito e moribundo por mais 50 anos !!!

Definitivamente, alguém precisa desenterrar a caveira de burro que tem naquele lugar ! Nada dá certo naquela região : vide o exemplo do edifício América e agora o imbróglio do estádio do BEC.

Blumenau não merece. Blumenau não precisa de incompetentes na SDR para espantar investimentos e desenvolvimento para nossa cidade. Política e desenvolvimento são antônimos, e isso ficou mais do que comprovado agora.

Tomem vergonha na cara, bando de incompetentes !!!

Pronto, falei !

Edifícios Angra dos Reis e Cabo Frio - Torresani

Ainda na linha de lançamentos habitacionais na cidade, a Torresani lança na Vila Nova, bem no final da rua Casemiro de Abreu (rua da Apae) os edifícios Angra dos Reis e Cabo Frio. Apesar de idênticos, eles tem condomínios separados, e possuem salão de festas, fitness e piscina independentes para cada bloco.

Tem opções de apartamentos de 3 suítes, 3 quartos com 1 suíte e 2 dormitórios. Além das coberturas duplex com piscina individual.

Sem dúvida um belo projeto. Vai revitalizar o final da rua da Apae. Note que a construtora fará uma rótula e reurbanização no final da rua. A Vila Nova está com belos projetos.








Edifício Campo Bello - Speranzini

A Construtora Speranzini lança mais um empreendimento no bairro Itoupava Norte. Particularmente achei o empreendimento muito interessante, e confirma a vocação da região norte da cidade para novos projetos.

Aquela região da Itoupava Norte poderia tranquilamente ter limite de altura liberado. Esta obra é um exemplo, pois fica num terreno grande na rua Siderópolis, e poderia ter uns 25 andares. Hoje ela ficou limitada pelo Plano Diretor atual, de apenas 12 andares.


Vão ser todos apartamentos de 3 suítes, 4 apartamentos por andar. A planta é interessante :


terça-feira, 3 de novembro de 2009

Shopping Park Europeu

É animador ver que o projeto do Shopping Park Europeu está em andamento. O terreno na via expressa está cercado, e os projetos de Estudo de Impacto de Vizinhança estão a pleno vapor na Prefeitura. Tomara que as alterações no Plano Diretor que são necessárias para a viabilidade da construção sejam votadas logo.

O novo projeto ficou lindo, conforme perspectivas abaixo :




Para o Shopping Park Europeu serão 196 lojas satélites, 17 opções de alimentação e 2 restaurantes, 12 mega lojas, 6 lojas âncoras (sendo que no projeto atual, o hipermercado, está incluso como âncora), 5 salas de cinema, playground, e 2.089 vagas de estacionamento, sendo que 1.152 serão no subsolo, 88 no térreo (vagas descobertas), 414 no 4º.pavimento, e 435 no 5º. pavimento (vagas descobertas).
O imóvel de implantação é o mesmo com área documental de 40.936,56 m², localizado na Itoupava Norte, Rua Vereador Hebert Schweigert – Marginal da Via Expressa.

Se tudo der certo, ele será aberto para o público no segundo semestre de 2011. Vai bater de frente com o Blumenau Norte Shopping, que tem previsão de abertura para Abril de 2011.

Será que vai ter tanto lojista para tanta loja nova ? Concorrer com o Grupo Almeida Júnior é sempre complicado. Pessoalmente torço para o sucesso de ambos ! Mais empregos, mais qualidade de vida !