quarta-feira, 29 de setembro de 2010

20 idéias para tuítar melhor

Informações úteis para quem utiliza twitter. Retirado do link http://info.abril.com.br/noticias/blogs/geek-list/twitter/20-ideias-para-tuitar-melhor/

Separamos vinte dicas para ganhar tempo (e seguidores) na hora de tuítar. Veja todas:


1 – Pense antes de Tuítar
Fernando Madeira, CEO do Terra, aconselha os tuiteiros a separar o profissional do pessoal. “Para ficar tranquilo, crie dois perfis para usos distintos. No pessoal, meta a cara, mas no profissional pense muito antes de apertar o botão Tweet.” Ele acompanha os posts em seus três smartphones (um iPhone, um Android e um BlackBerry) e pelo Mac.

2 – O mapa das tendências
Com o Trendsmap.com (http://trendsmap.com/) é possível ficar ligado na efervescente lista dos Trending Topics do mundo todo. Em tempo real, o serviço mostra um globo terrestre no qual você pode navegar pelos países e ver as palavras-chave mais tuitadas de cada região por meio de gráficos no mesmo estilo das nuvens de tags.

3 – Radar de tuiteiros
Utilizando um mashup com o Google Maps, o Geo Chirp (http://www.geochirp.com/) mostra o que o pessoal da sua vizinhança anda tuitando. Ajustando o alcance da pesquisa, você pode ampliar a pesquisa para um raio de até 80 quilômetros.

4 – Quiz no ritmo do Twitter
Com meia dúzia de cliques, dá para fazer uma enquete e saber a opinião dos seus seguidores sobre qualquer assunto usando o Twtpoll (http://twtpoll.com/). Ele cria questionários, testes de múltipla escolha e pesquisas de opinião, entre outras opções. Apesar de simples e gratuito, o serviço é bem completo. Conta até com bloqueio de endereços de IP para evitar votos duplicados.

5 – Unfollow nos ociosos
Está seguindo um monte de perfis que nunca postam nada? Entre no UnTweeps (http://untweeps.com), defina qual é a sua tolerância para a ausência de tuítes e deixe de seguir os preguiçosos automaticamente.


6 – Bem-me-quer? Malme- quer?
Essencial para quem quer conquistar uma legião de seguidores — ou pelo menos tentar entendêlos —, o serviço TweetEffect (http://tweeteffect.com) faz um levantamento sobre quais tuítes foram responsáveis por conquistar novos seguidores e quais afastaram o pessoal que seguia seu perfil.

7 – Tuítes para guardar
Já pensou em transformar seus tuítes em livro? O pessoal do Tweetbook.in (http://tweetbook.in/) pensou. É só entrar com os dados da sua conta e baixar o PDF. Pronto para a sessão de autógrafos?

8 – Cala a boca, Galvão!
Tem gente que às vezes se empolga e inunda sua timeline com tantos posts que você nem consegue ler nada dos outros perfis que segue. Para esses casos, antes de parar de seguir o mala, você pode usar o Twitter Snoozer (www.info.abril.com.br/downloads/webware/twittersnoozer-v0-2), que suspende os tuítes de um usuário por um período predeterminado. Mas se ele for reincidente, unfollow nele!

9 – DM para os esquecidos
A suíte de ferramentas para organização pessoal Task.fm (http://task.fm/) é cheia de recursos para enviar lembretes para os esquecidinhos. Mas não fica só no tradicional e-mail e SMS. Os viciados em Twitter podem receber lembretes por Direct Message.

10 – Meu querido diário
De novo, é hora de reclamar da busca nativa do Twitter #fail. É complicado pesquisar tuítes antigos. Sorte que existe o Twistory (http://twistory.net/), que integra sua timeline com os programas de calendário mais populares e, assim, facilita a busca de conteúdo por data. Ele funciona com Google Calendar, Outlook, iCall e Thunderbird.


11 – Como vai o humor da tuitosfera?
Usando um sistema “insanamente complexo de análise de sentimentos”, como descrevem seus criadores, o TweetFeel (http://www.tweetfeel.com/) analisa o humor dos tuiteiros em relação a um tema.

12 – O RSS vira tuíte
Você tem um blog, mas zero de paciência para tuitar? Experimente o TwitterFeed (www.info.abril.com.br/downloads/webware/twitterfeed). Ele usa o feed RSS da sua página para criar tuítes automaticamente para cada atualização. É só configurar uma vez e esperar os tuiteiros. Mas com o tempo eles podem se cansar da falta de atenção.

13 – Videocast no Twitter
Sem baixar nada nem fazer cadastro, o Screenr (http://screenr.com) permite que você transmita vídeos ao vivo para os seus seguidores do Twitter ou crie programas em vídeo para espalhar via microblog. É só ligar a webcam e soltar o artista que existe em você.

14 – Encurtadores com algo mais
Abreviar endereços de páginas para economizar espaço nos 140 caracteres já virou algo trivial. Dá para usarTinyURL.comGoo.glIs.gdOw.ly e muitos outros. O serviço mais completo, porém, é o Bit.ly, que traz ferramentas para monitorar o número de clicks em cada um dos links publicados e uma série de widgets para tornar mais ágil o serviço de criação de endereços curtos.

15 – O YouTube posta por você
Quando estiver logado no YouTube, clique no botão Compartilhar, logo abaixo do vídeo, e depois no link Conectar Contas. Na tela que se abrirá, você pode configurar tuítes automáticos para cada vez que você gosta, comenta ou publica um vídeo.


16 – Vingue-se da baleia!
Está louco para postar, mas o Twitter está fora do ar? Acesse o Die Fail Whale (www.diefailwhale.com) e descarregue o tambor do revólver na já irritante baleia que é mostrada quando o Twitter está fora do ar.

17 – O Flickr tuíta bem
O álbum de fotos online Flickr tem uma integração benfeita com o Twitter. Depois de se logar, clique em Minhas coisas > Conta e abra o item Estendendo o Flickr. Escolha Defina Suas Configurações do Flickr para o Blog, na área Seus Blogs. Para finalizar, é só escolher o Twitter como opção de blog. Assim, sempre será possível espalhar fotos do Flickr para o Twitter, com direito a URL curta.

18 – Sob medida para o Windows 7
Depois de instalar o MetroTwit (www.info.abril.com.br/downloads/metrotwit), você vai pensar até que o programa é uma solução nativa do Windows 7 para acessar o Twitter. Ele fica alojado na barra de tarefa, roda rápido e exibe as novas mensagens automaticamente. É muito mais ágil do que acessar o Twitter.com ou qualquer extensão para browser.

19 – Importador de amigos
Só chegou agora ao Twitter? Então é uma boa ir se enturmando e achar amigos em comum com os seus seguidores. O TweepDiff (http://tweepdiff.com/) faz esse trabalho, analisando e comparando os contatos de dois perfis diferentes. Depois, é só partir para o abraço.

20 – Quem avisa amigo é
Quer saber quem deixou de seguir você? Comece a seguir o perfil @goodbyebuddy e depois visite owww.goodbyebuddy.com. O site mostrará quem desistiu dos seus tuítes.



Nenhum comentário: