quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Novos radares em SC

Santa Catarina vai ganhar 204 equipamentos de fiscalização eletrônica a partir de 2010. Destes, 112 serão do tipo "pardal" e 82 do tipo "lombada eletrônica.


Pessoalmente acho que os pardais são dispensáveis. Prefiro que a Polícia Rodoviária amplie as ações com o radar móvel, pois as pessoas que geralmente usam a rodovia já sabem a posição dos pardais, e vão continuar andando acima do limite. E pior: pressionando e xingando os motoristas que não conhecem os locais dos pardais e que com isso andam no limite correto da rodovias. Isso sem falar na total falta de bom senso de quem coloca alguns limites de velocidade em alguns trechos de rodovia. Colocam 40 km/h em alguns pontos de reta. Aposto minhas fichas que nesses locais vão colocar os pardais.

2 comentários:

Adalberto Day disse...

Charles
Radares, Pardais, faixa de segurança e otras coisas, sempre vai ser problema para quem não possui educação no trânsito, e em geral. Eu já estive em Gramados, e la as pessoas são muito educadas. Quanto percebem que alguém queira atravesar uma faixa de segurança, param antes. Aqui quando o motorista em geral, não todos, percebem que alguém quer atravessar uma faixa de segurança, aceleram...questão de educação.
Bela matéri e oportuna
Parabéns
Adalberto Day cientista social e pesquisador

!Sim, nós podemos! disse...

Ah é, a falta de bom senso é total, mas como você bem disse, muitos motoristas não respeitam a velocidade mínima e são tão ligados nos locais onde tem fiscalização eletrônica que já nem tem mais problemas com isso.
A fiscalização móvel deveria ser a única, a exemplo da Argentina (em rodovias). Lá, a qualquer momento e em qualquer lugar o motorista pode ser pego.